eXTReMe Tracker

24 de agosto de 2009

Nula

Não sou mais de medo.

Digo para reforçar a mim mesma, porque não quero ser.

Não nasci assim e livre sou do que não me pertence.

Você é doce.

Sinto nos seus olhos e na calma de olhar.

Sua voz me preenche e trêmulas estão minhas pernas.

Bambeiam como dois troços de madeira ligados por um fio de linha de costura.

Lilás e verde; para mim, são as cores da felicidade.

Já estive muito triste, por isso sei ser feliz, por isso enxergo cores em pessoas e em experiências.

Tenho muito a co(a)ntar, não é tão importante, mas me sacia a alma.

O vento é tão etéreo, às vezes quase me leva; digo a ele para se acalmar, ainda não é o momento.

Não vou escolher momentos, tão pouco poderia, mas sei que tudo tem o seu tempo.

Estou feliz por mergulhar nos seus olhos e desconhecer-te conhecendo a mim, a ti.

Bonito na alma.

Me encanta.

Brindemos, vivamos!


BCN 18/03/09

Nenhum comentário:

Postar um comentário