eXTReMe Tracker

3 de dezembro de 2009

?Recuso

O que te parece?

Começar uma poesia com uma interrogação?

Hoje está tudo tão agudo, agudo, agulhado, que irritação!!!

Vó?

Você que é mulher, canceriana, experiente, me diga: Como carregar o puto peso da vida?

¨Qué vida perra tio...¨.

Ela me engana me dizendo que é leve e traz certezas que as ondas desfazem em cada vinda. (lavas caóticas)

Ou será a minha mente? Pesada...Transtornando a simples vida em, em, em?Gagueira inútil...

Tem, pô!

INTERVALO. Vamos ao segundo tempo; tudo pode mudar.

No banheiro, quadrinhos:

- Mano, me tira daqui!!!

O chão é azul e o teto é fixo.

Tsc.


Barcelita 2/12/09

Nenhum comentário:

Postar um comentário