eXTReMe Tracker

2 de janeiro de 2010

Na fila

Na minha cama sexo tolo

Na minha cama homens

Nenhuma razão

E o conforto nulo de tempestade na solidão


¨Saia daqui!¨

Te trato com amor...

Mas você não é ele; triste

Mas ainda é um alguém

Trato com amor...


Esperei, esperei e nada mudou

Que fazer agora?

Tudo parece tão sem graça

Quero sair mas não consigo


- Com licença: Você poderia abrir essa janela por favor? Eu gostaria que entrasse algum tipo de ar que eu possa respirar ...!


Estou no meu palácio ilhado

Não sei qual é o próximo passo

Hoje, tudo o que eu quero são abraços

Por favor me ame, me abrace, me trate bem, me esprema viva

Quero engolir o que possa do amor e não viver para nada mais.


1/01/10

Nenhum comentário:

Postar um comentário