eXTReMe Tracker

22 de fevereiro de 2011

Amor e travessão

Nas buzinas do amanhecer
Na calada noite

O galo canta em hora avessa
- Arranho o céu -
Ele te espera!

Cumpadi de outrora
A Ela, glória!

Um amor desses que nem o amor explica
Uma explicação dessa, como a sucinta

Te (e)levo em todo o meu viajar
Onde a distância nunca entrará

Um comentário: