eXTReMe Tracker

4 de fevereiro de 2011

Bailarinar

Preciso abafar sentimentos
Superar toda essa emoção
Afiar todo pensamento
Vazão, vazão

Explodir, encarnar
Enquanto a carne sucumbe ao pó
Poeira escorre no ribeirão...

Gentil estrela, perdão.

Meus braços enroscam nas pernas, feto
O queixo e o calcanhar estão cênicos, foi-se

"Estou dançando"!!!
Atmosfera numa tela táctil
Onde sonhar é preciso e viver é.

Nenhum comentário:

Postar um comentário