eXTReMe Tracker

10 de fevereiro de 2011

Bruto teor do querer

Eu
Quero copia-la
Ser-la
Respirar-la

Ela corre
E para
Vem
Me massacra

Me ara
Entorpece
Derrama-se em meus poros, entupidos, em chamas
Clama um adeus sóbrio e corrompido

Devassa

Esculpe no meu corpo
A minha destreza

Sua

Nenhum comentário:

Postar um comentário